4 solos de guitarra para blues para você aprender

0
0 Flares Twitter 0 Facebook 0 0 Flares ×

Musica-Mais-4-solos-de-guitarra-para-blues-para-voce-aprender

Se você já passou pela fase de iniciação à guitarra e já está bem familiarizado com o instrumento, chegou a hora de arriscar alguns solos de guitarra para blues. Não se engane pelos exercícios de memória muscular. Eles são importantíssimos e ajudarão muito nesta etapa, mas partir para o blues é um passo ousado. Portanto, deve ser encarado com a seriedade e disciplina de um novo desafio. Está pronto para começar a arriscar? Conheça 4 solos de guitarra para blues para você aprender.

Crossroads, o clássico solo de guitarra para blues

Eric Clapton é um famoso guitarrista, cantor e compositor responsável por grandes sucessos do blues. Crossroads é uma de suas músicas mais famosas cujo disco, de mesmo nome, foi lançado em 1988 e vendeu quatro milhões de cópias em todo o mundo. Ela mistura as escalas pentatônicas maior e menor de forma genial. Um excelente exercício para melhorar a sua técnica e desenvolver seus solos.

The Thrill Is Gone, do rei do blues

The Thrill is Gone tem um solo de guitarra para blues de arrepiar logo na introdução da música. Apesar de ter sido lançada por Roy Hawkins em 1951, foi apenas em 1969 que a música se tornou um dos maiores sucessos na voz e nas mãos de B.B. King. Este solo traz muitas das características que o transformaram no rei do blues. Após o lançamento desta música, B.B. King viu sua carreira deslanchar e até hoje sua versão de The Thrill is Gone é conhecida como uma das melhores músicas da história.

Mary Had a Little Lamb, um blues ao estilo do Texas

Mary Had a Little Lamb é originalmente uma canção para crianças, que fala sobre a história de Mary e o seu carneirinho inseparável. Muitos músicos criaram suas próprias versões da música de Sarah Josepha Hale, como Amy Lee e Paul McCartney. Mas foi no álbum Texas Flood, de Stevie Ray Vaughan, que Mary Had a Little Lamb que música ganhou sua versão no blues.

All Along the Watchtower: escrita por uma lenda, aperfeiçoada por outra

All Along the Watchtower foi uma música composta e lançada por Bob Dylan, em 1967. É até hoje considerada um dos seus maiores sucessos e regravada por uma infinidade de músicos que se inspiram no estilo de tocar de Dylan. Uma das versões mais importantes, que traz consigo um solo memorável, é a versão de Jimi Hendrix, lançada apenas seis meses após a versão original de Dylan.

Extra: a Blue Note

Não podemos falar sobre guitarras e blues sem mencionar a Blue Note. Ela é a nota que elevará o seu solo de guitarra para blues a um novo patamar, ao estilo B.B.King de fazer música. A Blue Note é uma das características mais marcantes do blues e consiste em apenas adicionar uma nota extra ao seu solo. A melhor forma de fazer isso é usá-la como uma nota de passagem, ou seja, não fique muito tempo nessa nota. Entre as notas de uma escala, ela deve adicionar tensão à música.

Aprender a tocar solos de guitarras para blues é mais que avançar no estudos de guitarra. Significa entrar em contato com os sentimentos que fazem do blues um gênero musical tão envolvente. Algumas músicas serão mais fáceis que as outras. Se travar em algum momento, toque uma música mais simples para relaxar os dedos e depois retorne aos estudos. O importante é praticar frequentemente.

Você já arriscou alguns solos de guitarra para blues? Conte nos comentários quais foram as suas músicas escolhidas!

Comentários no Facebook

0 Flares Twitter 0 Facebook 0 0 Flares ×