A trompa é realmente o instrumento mais difícil de se tocar?

0
0 Flares Twitter 0 Facebook 0 0 Flares ×

Existem alguns instrumentos que são historicamente conhecidos como super difíceis de se tocar. Há quem diga que instrumentos como o violino, o saxofone e a bateria são muito complicados e difíceis de se aprender e tocar, pois requerem bastante estudo, coordenação motora e técnica. No entanto, para além dos mencionados nesta pequena lista, a trompa é considerada como a mais difícil de se tocar.

Conheça a trompa e entenda porque ele é considerado o instrumento mais difícil de se tocar na história da música”

O que é a trompa?

A trompa é um instrumento de sopro da família dos metais, que tem um papel muito importante nas orquestras sinfônicas da música moderna. Sua origem vem desde quando o homem começou a produzir sons através dos chifres de animais – algo semelhante a um berrante, por assim dizer – sendo “chifre” a verdadeira tradução da palavra “trompa”.

Com o passar do tempo, esse instrumento passou a ser feito de metal e ganhou o seu design característico, composto do entrelace do tubo da trompa, que ganhou este formato para ser um instrumento mais compacto e potente.

Por que a trompa é o instrumento mais difícil de se tocar?

Apesar de ser um instrumento de sopro bastante similar a outros, como o trompete, os intervalos da trompa geralmente são uma oitava acima a destes instrumentos, o que faz com que as notas sejam tocadas em dedilhados muito próximos um dos outros.

O músico que toca trompa deve ter o ouvido bastante afiado para conseguir identificar os diferentes agudos produzidos por ela para saber exatamente quando perdeu uma nota ou quando ela foi tocada de forma errada, o que confere à trompa a classificação do instrumento mais difícil de se tocar, devido à seu grau de complexidade.

O segredo está na técnica

Além disso, justamente por ser um instrumento de sopro, é necessário aprender a técnica correta e preparar os pulmões para dar conta de acompanhar o ritmo acelerado do instrumento, apoiando a corrente de ar no diafragma ao abrir a mandíbula e inalar o ar de forma que a parte inferior do peito do músico se encha de ar.

A classificação de instrumento mais difícil de se tocar da trompa se dá pelo fato de que, para que seja possível produzir o som desejado e tocar as diferentes notas possíveis, é necessário fazer quatro movimentos simultâneos: aplicar a tensão do lábio de forma apropriada, apertas as válvulas corretas, soprar com a força adequada, e colocar a mão na posição certa na campana. São muitas coisas para serem executadas de uma só vez, não é mesmo?

Mas ainda que haja instrumentos mais difíceis que outros, a verdade é que com determinação e muito estudo é possível aprender a tocar um instrumento musical, por mais complexo que ele seja. O que importa é ter força de vontade, paciência e muita persistência, além de contar com profissionais que entendem do assunto e estão à disposição para compartilhar seus conhecimentos e tirar suas dúvidas.

Você também acha a trompa o instrumento mais difícil de se tocar? Que tal compartilhar com a gente as suas opiniões e dúvidas sobre o assunto? Use o espaço abaixo e comente!

Informações importante sa constar nesse post: Música Mais trabalha com importação EXCLUSIVA da conceituada marca de Trompa e Acessorios para Trompa PAXMAN (marca centenaria inglesa www.paxman.uk Musica Mais tambem trabalha com importação direta dos conceituados bocais JK (marca tambem centenaria alemã) para trompa http://josefklier.de creio que essas informações vao enrriquecer o texto. e Há esses produtos no site.

Aguardo inserção destas informações IMPORTANTES

 

Comentários no Facebook

0 Flares Twitter 0 Facebook 0 0 Flares ×